Duas audiências públicas estão programadas para esta semana na Câmara de Vereadores de Niterói. Na quarta-feira (14/10), às 20 horas, a discussão será em torno da Aldeia Imbuhy, em Jurujuba, tombada como patrimônio imaterial de Niterói , por iniciativa do vereador Leonardo Giordano (PT). A aldeia vive um dilema por estar sendo ameaçada de expulsão por parte do Exército, que mantém um complexo de fortes no local. “A audiência pública tem o objetivo de discutir a atual situação dos moradores da aldeia e reafirmar o nosso compromisso de manutenção dos moradores em viver pacificamente no local”, afirma o vereador Leonardo Giordano. 

Já na quinta-feira (15/10) às 19h30m a audiência pública terá como tema a crise hídrica que pode atingir o município de Niterói. A reunião foi proposta pelo vereador Daniel Marques (PV) e terá a participação de representantes da Concessionária Águas de Niterói, da Prefeitura e de ambientalistas ligados à causa. “Pretendemos saber como está a questão dos mananciais de água que abastecem, entre outros municípios, a nossa cidade. Precisamos saber como estamos nos preparando para evitar uma crise de abastecimento”, analisa Daniel Marques, que presidirá a audiência. 

As audiências acontecem no Plenário Brígido Tinoco da Câmara de Niterói.