Na sessão do dia 20 da câmara de SG, os vereadores debateram um assunto na área da saúde. O vereador Lecinho, presidente da comissão de saúde e líder do governo, disse que tanto na rede pública como na rede privada, a situação está difícil. 

Ele disse que em vistoria à uma unidade de saúde, ele encontrou a mesma fechada por volta das 15h. Irado, pediu para que reabrisse e disse que também pediu a demissão dos funcionários. Outros vereadores ainda falaram que quando a população se sente lesada, procura seus legisladores, no caso os vereadores, e fazem suas reclamações.

Em seguida, o vereador José Carlos Vicente, da mesa diretora, disse que essas coisa são sempre culpa de outras pessoas, sempre culpa dos políticos, mas nunca das pessoas que comentem os erros, e que essas pessoas que trabalham no serviço público e cometem esses erros são os primeiros a falar mal dos políticos. 

Ele disse também que numa matéria do 'Bom dia Brasil' que estava vendo, estaria sendo noticiada a morte de um homem que atravessou uma linha férrea, então, o jornalista Chico Pinheiro disse: - "Por que não havia um guarda na linha?" 

Então o vereador disse que: - "Todo mundo tem solução para governar um município com um milhão e duzentos mil habitantes, e um país com 210 milhões de pessoas". Comentando a fala do vereador, aparentemente ironizando, o vereador Marlos Costa disse: - "Ô, cê tá defendendo a Dilma? rsrs", disse Marlos, o vereador que até pouco tempo era do mesmo partido da presidente.