DO SITE DE NOTÍCIAS MARICÁ INFO

Maricá Info
Foi aprovado na sessão realizada no plenário da Câmara de Vereadores de Maricá na última quarta-feira (30), em primeiro turno, o Projeto de Lei de autoria do Poder Executivo municipal que autoriza o transporte alternativo a circularem de forma legal.

Anteriormente, o transporte alternativo era regido através do decreto municipal Nº 182/2011, o que não legitimava a sua ‘legalização’. Mais de 50 motoristas de vans e kombis lotaram a plenária da Câmara para acompanhar a votação, que terminou com aprovação por unanimidade.

Muitos não entenderam a tramitação do projeto de Lei e começou a surgir reclamações. Foi pedido pelo vereador Aldair de Linda que se possível, votasse em segundo turno naquela sessão para acabar com a aflição da categoria, porém, o vereador Adelson interviu, informando que eles deveriam seguir a tramitação do Projeto de Lei para não surgirem empecilhos legais e que posteriormente a Lei possa beneficiar aos motoristas do transporte alternativo.

Robson Dutra

O vereador Robson Dutra (PMDB), líder do governo, fez uma crítica construtiva aos motoristas de vans, que compareceram em massa na última sessão. Eles reclamou da concorrência que as vans fazem com os ônibus, muitas vezes correndo para pegar passageiro, acarretando em atraso para quem precisa utilizar o transporte nos intervalos.

“Tem muitos colegas de vocês que esperavam o ônibus passar e saía na frente, isso é uma realidade. Vou fazer um apelo a vocês, para verem também nos finais de semana, que façam um rodízio para trabalhar, sábado, domingo e até à noite.” Disse o vereador Robson Dutra.

O Projeto de Lei que regulamenta o transporte alternativo vai à votação em segundo turno na próxima sessão, marcada para o dia 5 de outubro (segunda-feira).