Na ordem: Helil, Altineu e Sadinoel. Todos gravaram vídeo
comentando sobre o assunto, que virou mais um para os 
pré-candidatos atacarem o governo municipal. 
Após as denúncias, o prefeito
Helil se mexeu. 
O problema da Autopista no engarrafamento que provoca em Manilha é claro. As intervenções foram autorizadas pela Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT), atendendo aos pedidos da Polícia Rodoviária Federal e da Prefeitura de Itaboraí, segundo a Autopista Fluminense.  

O PROBLEMA...
O trecho recebeu linhas de defensas no entroncamento entre a BR-101 e a BR-493, na pista sentido Niterói, e a BR-101 e a RJ-104, na pista sentido Espírito Santo, a empresa disse querer evitar o entrelaçamento de veículos e os acidentes na região, que estariam provocando interrupções nas faixas de rolamento para atendimento às ocorrências. Apesar das críticas dos usuários, a Autopista Fluminense informou que o bloqueio já é utilizado com sucesso durante as operações especiais de feriado na pista sentido Espírito Santo.

O resultado das obras da concessionária é um nó no trânsito do Trevo de Manilha, confluência da BR-493, da BR-101 e da RJ-104 (ligação Niterói-Manilha via Tribobó). Com o fluxo intenso na região, os congestionamentos se tornaram ainda mais constantes a qualquer hora do dia. Motoristas e passageiros também reclamam das obras de manutenção feitas durante o dia (e não à noite) na BR-101, o que ajuda a agravar os engarrafamentos. O caos não foi só naquela sexta-feira. Diariamente, principalmente nos horários de rush, motoristas gastam, em média, duas horas para percorrer dois quilômetros na área do Trevo de Manilha.

TROUXERAM AS SOLUÇÕES...
O problema causado pela Autopista despertou os pré-candidatos à prefeitura de Itaboraí para botarem a boca no trombone. O primeiro foi o deputado federal Altineu. "Se eu fosse o prefeito, jamais os guard rails seriam colocados na estrada. A população e os comerciantes de Manilha estão sendo prejudicados. A Autopista Fluminense está humilhando a todos e prejudicando as pessoas na nossa região. Vou dar transparência a tudo que a concessionária não está cumprindo. A empresa acha que devido ao poderio financeiro podem fazer o que quiserem, mas isso não vai ficar assim”, garantiu o deputado Altineu.

Logo após, veio o deputado estadual Sadinoel, que também disse que é uma covardia. "Vergonhoso, eles não fizeram obra aqui". Ainda disse que é ridículo a situação. Gritando, o deputado disse que eles estão todos juntos e disse que isso tem que mudar.  

Hoje, foi realizada no Plaza Itaboraí, uma reunião com vereadores e o prefeito Helil, que depois de sofrer o ataque pelos rivais, buscou medidas para o problema. "A atitude arbitrária da Autopista Fluminense em colocar Guard Rails na região de Manilha, está causando inúmeros transtornos e engarrafamentos que afetam e muito a vida do cidadão de Itaboraí. Por isso nos reunimos esta tarde no Itaboraí Plaza com comerciantes e representantes da população de nossa cidade para discutir essa situação. Sairemos daqui com uma comissão para avaliarmos essa questão junto à Autopista e, se necessário, junto ao Ministro dos Transportes", disse Helil.