Almoxarifado da Prefeitura de Itaboraí pegou fogo no último dia 10 de fevereiro
Incêndio no almoxarifado central da Prefeitura de Itaboraí
Prejuízo calculado em R$ 30 milhões. 
A Câmara Municipal de Itaboraí convovou para esta quinta-feira (18), às 16h, uma audiência pública para ouvir servidores municipais que trabalhavam no almoxarifado central da prefeitura, que pegou fogo no último dia 10.

De acordo com o prefeito Helil Cardozo (PMDB), o prejuízo com a perda de insumos e medicamentos chega a R$ 30 milhões. Mas os vereadores contestam o valor, alegando que, em visita ao local, não viram remédios, mas apenas luvas cirúrgicas.

Os parlamentares lembram que o incidente ocorreu, coincidentemente, na época que a Câmara exigia da prefeitura informações sobre onde foram gastos os R$ 23 milhões aprovados através de emendas para compra de medicamentos.

A Câmara pediu ao Corpo de Bombeiros o plano de atuação dos homens da corporação no incêndio, e enviou um ofício pedindo que a Polícia Federal também investigue o caso.

Fonte/texto/foto via: Extra, Extra - Por Berenice Seara/Jornal Extra