Um dos mais importantes rios de São Gonçalo começou a ser dragado na manhã desta segunda-feira (11). Após um período de chuva intensa e enchentes no município, o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) disponibilizou mais duas dragas para a desobstrução dos rios que cortam a cidade. O secretário estadual do Ambiente, André Correa, percorreu parte do Rio Alcântara ao lado dos secretários de Infraestrutura e Urbanismo, Ana Cristina Silva, e do Meio Ambiente, Ricardo Harduim, e o deputado estadual Nivaldo Mulim, presidente da Comissão do Meio Ambiente da Alerj.

O trabalho de desassoreamento está sendo realizado através do projeto "Limpa Rio", que consiste na limpeza dos rios, canais e lagoas que o Governo do Estado vem promovendo nos municípios. Os equipamentos utilizados no trabalho de dragagem estão fazendo toda a retirada do mato que se acumula ao redor do rio, assim como também a retirada dos bancos de areia e lixo. O serviço ajuda a minimizar os riscos de inundação ao mesmo tempo em que corrige os problemas causados pelas fortes chuvas.

"Estamos aqui fazendo um emergencial. Não é uma obra definitiva, pois precisávamos buscar um caminho para minimizar os transtornos. Retiraremos daqui cerca de três mil caminhões de detritos. A limpeza será realizada na parte da Avenida Maricá, no bairro do Rocha, até a entrada do bairro Jardim Catarina. Quero registrar o empenho das autoridades públicas da cidade e estamos procurando trabalhar para minorar os efeitos dessas enchentes", declarou o secretário estadual de Meio Ambiente, André Correia.

Fonte/texto/foto: PMSG