Foto: Ascom Sindspef
Em Assembleia realizada hoje pela Guarda Municipal e o Sindicato dos Servidores Públicos Efetivos de São Gonçalo (Sindspef-SG), foi decidido pelos guardas municipais suspensão temporária da greve. 

A decisão se deu após o prefeito Neilton Mulim assinar documento se comprometendo a atender parte das reivindicações da categoria.

O movimento agora sai da greve para o Estado de Greve, até ser publicado em Diário Oficial o que foi prometido pelo prefeito. Caso Neilton Mulim não cumpra ressalvas à contraproposta e os prazos estabelecidos pela Comissão de Negociação, o movimento grevista retorna imediatamente.

Fonte/texto: Ascom Sindspef