Exibindo Diego São Paio e Marina Silva em Alcântara 03.09 FOTO CARU PASTOR (3).jpg
Fernanda Temperini, candidata a vice, Marina Silva e Diego São Paio
Foto: Carú Pastor
Ex-senadora subiu em palanque ao lado do candidato a prefeito Diego São Paio. Dupla falou defendeu governo profissional, transparente e participativo.

Bem cotada nas urnas gonçalenses nas duas vezes em que se candidatou à presidência, com mais de 300 mil votos, Marina Silva esteve em São Gonçalo pela primeira vez na tarde deste sábado. A ex-senadora veio apoiar a candidatura de Diego São Paio à prefeitura.

Em discurso no calçadão de Alcântara, Marina Silva ressaltou que a proposta da Rede é exercer um governo participativo e transparente, em que o interesse e a necessidade do cidadão sejam prioridade.

“Há alguns meses encontrei Diego em Brasília e vi a determinação de realizar um governo profissional e ético, no qual a política cumprisse seu papel de servir à população. Com competência e responsabilidade, vamos mudar esse cenário de abandono e esquecimento, no qual o ambulante não tem dignidade para trabalhar, o morador não tem estrutura em sua rua, a mãe não tem creche onde matricular o filho. O povo gonçalense merece uma cidade em que os serviços básicos são garantidos”, declarou Marina.

Diego São Paio entregou de forma oficial o plano de governo da chapa “São Gonçalo Merece Mais”, explicando que o documento conta com a participação dos moradores, que colaboraram através da plataforma colaborativa “São Gonçalo em Rede”.

 “Costumo dizer que não há ninguém melhor que o próprio morador para apontar o que a cidade precisa. E nossa proposta comprova esta afirmação. Estamos nos bairros, na internet porque queremos governar com o povo. Cada um de vocês é necessário para promover uma mudança real na nossa cidade. Juntos vamos superar as carências em segurança pública, saúde, infraestrutura, com muito trabalho”, afirmou o candidato.

A comitiva seguiu para a Estrela do Norte, para gravar programas de TV. onde Marina gravará programas com o candidato. Esta será a primeira vez que a Rede Sustentabilidade, partido fundado por Marina, concorre à eleição.