Foto: Lula.com.br
O depoimento do Lula está entre os fatos da semana. Atenciosamente acompanhei as palavras do Eterno Presidente. Sou grande admirador do Lula. Sou otimista e convicto de que a vitória do Lula em 2018 será importante para o Brasil. Se o Lula realmente for responsável por algum crime, eu o quero ver na cadeia pagando pelo crime cometido. Mesmo se o Lula fosse o meu pai, não teria perdão, teria prisão só pra esclarecer o meu ódio por qualquer pessoa que tome pra si qualquer dinheiro público. Tendo em vista o tempo de massacre que o Lula vem sofrendo dos seus inimigos, inclusive do super herói da Justiça brasileira, existe muita incompetência dos que querem prendê-lo e inviabilizá-lo para 2018.

Como pode ninguém provar nada sobre propriedade do triplex mesmo depois de um imenso esforço? Mesmo assim, desejo que a investigação continue com toda profundidade possível e, se nada for provado, teremos a tranquilidade de uma acusação a menos e a Justiça seguirá investigando as outras acusações.

O tema desse depoimento foi a tentativa de obstrução da Justiça, envolvendo Nestor Cerveró. Essa acusação foi feita por Delcídio Amaral. É mais um dos grandes erros do PT ter entre seus membros um bandido oriundo do PSDB. O Zeca do PT, lá no Mato Grosso, teve a grande infelicidade de ter em seu governo esse bandido que, depois, se tornou senador em 2002 pelo Mato Grosso. A grande articulação de Delcídio o levou à liderança do governo da Dilma e, em seguida, a sua esperteza o levou à cadeia.

Sim, o PT teve em seus quadros muitos canalhas e, possivelmente, ainda tem – o que está muito longe de ser uma exclusividade do PT. O meu respeito pelo PT permanece intacto, pois está bem mais próximo de tudo que carrego de ideal dentro de mim. Votei durante toda minha vida no Lula e votei duas vezes na Dilma. Também tenho imenso orgulho desses meus votos. Até agora a integridade moral dos dois permanece preservada. Então, todo esforço de Delcídio para ter o benefício da delação premiada foi realmente um sucesso: deixou a cadeia com uma acusação contra Lula, o que me parece atualmente ser uma grande forma de ser beneficiado diante da Justiça.

Sob o olhar dos criminosos da república, o Lula, em respeito à população, divulgou amplamente em sua redes sociais a íntegra do depoimento. Tenho certeza que, se tivesse sido feita uma proposta de transmissão ao vivo pela TV, o Lula a teria aceito. Essa atitude é o suficiente para o meu entendimento da ausência de medo de qualquer depoimento de Cerveró. Nenhuma testemunha desse processo manteve a tese acusatória de Delcídio. Mais uma vez Lula dá uma lição de clareza. O fato de Lula sobreviver a todo esse massacre me impressiona muito. Basta parar e pensar em quantas pessoas possuem interesse em ver o Lula preso desde 1989 e até hoje não alcançaram esse objetivo e, dentro de mim, a sensação é que não vão conseguir prendê-lo.

No depoimento que vi já umas cinco vezes, construo a fé que o destino do Lula é a faixa presidencial no primeiro dia de 2019.

Por Rafael Massoto, compositor, poeta e produtor cultural.
Revisão: Professor Edson Amaro.