Foto: Ascom
O Dia Internacional da Mulher foi lembrado em São Gonçalo com diversas atividades nas unidades de saúde da cidade. No Espaço Rosa, no Zé Garoto, foi realizada a inauguração de um novo serviço que será disponibilizado aos pacientes: o aparelho de densitometria óssea - exame que diagnostica a densidade óssea e doenças como osteoporose. A Clínica Municipal Gonçalense, no Mutondo, também promoveu evento para celebrar a data.

Segundo o prefeito José Luiz Nanci, é prioridade da atual gestão humanizar o atendimento à saúde no município.

"Desde que assumimos, reinauguramos o tomógrafo computadorizado do Pronto Socorro Central e pretendemos levar uma clínica da família para o Arsenal, onde fica Posto de Saúde Doutor Zerbini. Queremos oferecer o melhor serviço possível para a população. A saúde sempre será prioridade no meu governo", afirmou.

Além da inauguração do novo serviço, foram realizadas palestras sobre saúde da mulher, que abordou temas como prevenção ao câncer de mama e do colo do útero, doenças sexualmente transmissíveis, planejamento familiar e atenção ao pré-natal. Ao todo, foram realizados 150 preventivos e 80 mamografias neste dia 8. Devido ao grande número de procura por atendimento, a direção da unidade agendou marcações até o dia 28 deste mês.

Moradora do bairro Jardim Catarina, a dona de casa Rita Leocadio, 48 anos, procurou por atendimento na unidade após esperar meses para a realização de preventivo, mamografia e ultrassonografia transvaginal. Após conseguir marcar os exames na primeira ida à unidade, se surpreendeu.

"Não esperava por essa facilidade no atendimento. Fiz o preventivo e farei os outros exames ainda este mês. Foi bem rápido, o bom serviço me surpreendeu", conta.

A data também foi lembrada na Clínica Municipal Gonçalense do bairro Mutondo, onde o evento realizado pela subsecretaria de Atenção Básica atraiu dezenas de pessoas. Entre as atividades realizadas, estavam a auriculoterapia, exposição de artesanato, fluoretação com a equipe de odontologia e dia da beleza com maquiagem e limpeza de pele.

As lutas femininas, conquistas, papel da mulher na sociedade e a participação política das mulheres foram tema das palestras realizadas em comemoração pelo Dia Internacional da Mulher.

"O objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O Esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia, terminar com o preconceito e a desvalorização da mulher. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história", explica a assistente social do Núcleo de Apoio a Saúde da Família (Nasf), Mirian Costa.

Para o médico da Estratégia de Saúde da Família(ESF), Dr. Fernando Marques, os direitos e conquistas das mulheres ao longo dos anos devem ser reconhecidos por toda sociedade para que chegue a igualdade.

"Ainda existe uma disparidade social que deve acabar. O enfoque da saúde da mulher preconizado pelo Ministério da Saúde dá atenção a prevenção ao câncer de mama e do colo do útero, doenças sexualmente transmissíveis, planejamento familiar e atenção ao pré-natal", explica.

Fonte: Semsa/Foto: Girley Oliveira e Ricardo Precioso