Eduardo Gordo no dia de sua diplomação | Foto: Divulgação/Facebook
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Estado do Rio de Janeiro agendou audiência pública para analisar os crimes denunciados pelo Ministério Público contra o vereador de São Gonçalo, Aristeo Eduardo Teixeira da Silveira, o Eduardo Gordo (PMDB).

Eduardo, que foi diplomado, empossado e está exercendo o mandato no município, é acusado pelo MP por abuso de Poder Econômico, de Poder Político/Autoridade e Conduta Vedada a Agente Público. Caso Eduardo seja condenado pelo MP, ele terá seu diploma cassado e será declarado inlegível.

Um dos crimes ao qual Eduardo é denunciado pelo Ministério Público Federal é por desvio de recursos públicos que seriam destinados aos SUS.

A audiência foi marcada para o dia 17/03/2017, às 13h30min, que será realizará na sala de audiências da 5ª Vara Cível de São Gonçalo.