Foto: Divulgação/Facebook
A Câmara Municipal de São Gonçalo abriu a sua primeira sessão plenária após o recesso legislativo com a leitura da decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE), que determinou a cassação do mandato do vereador do PHS, Sandro Almeida.
O presidente da Casa, Diney Marins, leu a decisão judicial e concedeu ao vereador o prazo de cinco sessões ordinárias para que apresente sua justificativa. O prazo se encerra na quinta-feira (9).

Ainda cabe recurso na justiça e o parlamentar garante que irá até o final para manter a cadeira no legislativo.

"Estou entrando com recurso no TSE, em 01/08 e tenho plena confiança que teremos êxito em nosso pedido liminar. Sou pré-candidato a deputado Estadual, e tenho minha consciência tranquila que não cometi qualquer ilícito, por isso mesmo estou confiante na vitória. Confio na justiça", afirma Sandro Almeida.

Fonte: Câmara de São Gonçalo