Foto: Rafael Wallace/Alerj
Todos os meses os deputados estaduais do Rio de Janeiro podem receber até R$ 26,8 mil de "Descentralização Orçamentária de Custeio Individualizado para Gabinete Parlamentar", o nome oficial da verba de gabinete que pode ser usada para pagar passagens; serviços postais; alimentação; combustíveis e pedágios; divulgação parlamentar; participação em cursos e seminários; e custear despesas de escritórios de apoio, como aluguel, luz, água, internet, etc.

A verba tem que ser solicitada, e o que sobrar pode ser usado no mês seguinte, desde que não ultrapasse o mesmo exercício financeiro. Caso o valor seja ultrapassado, é descontado do salário do deputado.

O blog A POLÍTICA RJ fez um levantamento dos gastos mensais dos deputados gonçalenses na Alerj, Renan Ferreirinha e Capitão Nelson. Os dados são fornecidos pelo Portal de Transparência da Alerj e com base nos dados de 2019.



SOBRE OS PRINCIPAIS GASTOS

Deputado CAPITÃO NELSON
O deputado Capitão Nelson aluga veículos da Tihelen Locadora de Veículos LTDA, localizada em São Gonçalo. Os carros também são abastecidos em São Gonçalo, no Posto Jardim Castro Daire. O deputado só registra abastecimentos de combustível nesse posto. As compras dos materiais de escritório são feitas unicamente na Caçula do Colubandê, também em São Gonçalo.

Deputado RENAN FERREIRINHA
As passagens do gabinete do deputado Renan Ferreirinha foram para: uma formação do deputado e do chefe de gabinete, Gustavo Ribeiro, oferecida pelo movimento Todos pela Educação, em SP;  um encontro do Gabinete de Inovação - Intercâmbio de práticas no Legislativo, realizado em Brasília, paga para o chefe de gabinete, Gustavo Ribeiro; participação do chefe de gabinete, Gustavo Ribeiro, no I Fórum Internacional de Inovação no Legislativo, realizado em SP; reuniões do deputado e do assessor Wilman Costa com organizações do terceiro setor para tratar de temas relacionados à educação e uma visita à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo "visando a troca de experiência entre legislativos estaduais"; participação do deputado e do assessor Wilman Costa no 1º Seminário Perspectivas e Fortalecimento da Política de Ensino Médio em Tempo Integral nos Estados, em São Paulo; participação do deputado no Seminário "Regime de Recuperação Fiscal dos Estados: Aprendizados e Desafios", em Brasília; viagem do deputado e do assessor Wilman a Recife para cumprir agenda. Os notebook são alugados na Lógica Tecnologia Eireli, de São Cristóvão, no Rio. O aplicativo Nosso Mandato é uma plataforma de participação popular, organizada pela empresa Transformando Tecnologia LTDA, de Belo Horizonte, Minas.

Atualizado às 14:30h do dia 21/04/2020.